Porque deve conhecer Chaves

Situada no vale do Tâmega, Chaves possui uma beleza natural indiscutível e tem um longo e interessante legado histórico e cultural.



Se pensa visitar Chaves, este é o momento ideal. As cores do outono pintadas pelas árvores refletidas no rio, transmitem-nos uma calma e doçura incríveis. A pensar nisso, selecionamos-lhe alguns dos motivos porque deve visitar a cidade.

Rota Termal

São muitas as pessoas que visitam a cidade de Chaves para recorrer às suas termas com capacidades curativas. A cidade tem um grande fluxo anual de turistas termais dada a grande concentração de nascentes termais e minero-medicinais.

Além disso, a cerca de 15 km de distância, encontra-se Vidago, igualmente conhecida pelas suas fontes termais e pelas suas águas minerais gasocarbónicas, muito ricas em cálcio, magnésio e bicarbonato.
A ‘Rota Termal e da Água Verín-Chaves-Vidago’, como é chamada, traça-se pelo Vale do Alto Tâmega, abrangendo o Norte de Portugal e sudeste da Galiza. Em Chaves, pode visitar o destacado complexo das Termas de Chaves – Spa do Imperador. Na freguesia ao lado, em Vidago, tem o Balneário Pedagógico e de investigação de práticas termais onde pode provar a tão apetecida e rica água nas suas fontes. E para finalizar a rota, visite Verín onde ficará a conhecer os quatro balneários termais, Sousa, Fontenova, Cabreiroá e Caldeliñas.



Booking.com

Pode aproveitar para ficar hospedado no Hotel Casino de Chaves, onde além do relaxamento que a visita à cidade lhe proporciona, lhe oferece também alguma diversão. Sendo com 4 estrelas,o local possui um novo casino com uma grande variedade de jogos, equipado com 300 Slot Machines, 6 jogos de mesa e as famosas Roletas americanas e francesas, os jogos favoritos dos contadores de histórias como Leo Tolstoy e Fyodor Dostoevsky, numa cidade repleta disso mesmo: história.

As ruas e o Património Cultural

É possível visitar Chaves em apenas um dia, mas será difícil conhecer verdadeiramente toda a cidade e desfrutar cada canto e recanto que esta tem para lhe dar.

Ao entrar na cidade, encontrará imediatamente o que resta do Castelo de Chaves: a Torre de Menagem, estrutura que sobrou do castelo medieval, que nos faz andar atrás no tempo e na história, recordando os jogos de poder entre Portugal e Espanha.

Mesmo no centro da cidade, encontra a Ponte de Trajano. Uma ponte romana construída nos finais do século I, durante o processo de romanização desta região.

Na margem do rio Tâmega, encontramos o jardim e espaço verde mais antigo de toda a cidade, transformado em Jardim Público já no século XX, doado aos flaviences pelo banqueiro Cândido Sotto Mayor.

Os fortes de São Francisco e São Nautel continuam também erguidos na cidade até hoje. Foram construídos durante as Guerras da Restauração no século XVII dada a necessidade de maior protecção. Vale a pena visitar e deixar-se levar por toda aquela mística.

Percorra as ruas, conheça o castelos de Monforte de Rio Livre e as igrejas da cidade. A Igreja Matriz, a Igreja da Misericórdia, a Igreja Madalena e o Santuário de São Caetano, cuja origem remonta à época visigótica. Se conhece a Romaria de São Caetano ou já ouviu falar, este é um local que não vai querer perder. Chaves está repleta de história em cada canto.

Museus

Castelo de Chaves
Foto: António Amen /Wikimedia Commons

Se gosta de arte, tem mesmo de visitar o Museu de Arte Contemporânea Nadir Afonso. Este museu, com apenas 2 anos de existência, encontra-se num edifício projetado pelo famoso e prestigiado arquiteto Álvaro Siza Vieira. Nele vai poder encontrar um foyer, um bar, uma biblioteca, um auditório e quatro salas de exposição, com exposições temporárias e permanentes.
Lembra-se da Torre de Menagem de que lhe falámos mais acima? Lá dentro encontra-se o Museu Militar com uma exposição permanente de material militar, armas, espadas, uniformes, bandeiras, peças de artilharia e outras peças utilizadas pelo exército português. Aproveite para conhecer um pouco mais da nossa história.

A Gastronomia

Todos nós sabemos que não há melhor gastronomia que a portuguesa, rica em variedade, tradição e sabor. E os turistas também o sabem. Como é habitual em cada recanto do nosso país, Chaves oferece um leque vasto de pratos deliciosos da comida transmontana.
Além dos famosos pastéis de chaves, convidamo-lo a dar um belo presente ao seu paladar, provando os enchidos, o folar e as bolas de carnes, o mel e as compotas, os biscoitos e muito mais. Chaves convida, e muito bem, a um dos mais prazerosos pecados, a gula.

A cidade tem muitas maravilhas por descobrir, começando pelas bucólicas paisagens. Deixe-se contagiar.

Previous ArticleNext Article

This post has 1 Comment

1
  1. É uma linda cidade calma foi por isto que eu compre en chave sou imigrante estou de volta o meu país 🇵🇹 cheia de saudade 🇵🇹

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.