Os ventos da história sopraram forte em Pombal

Os ventos da história foram traçando o destino de Pombal. Situada em zona de constantes refregas com os sarracenos, foi naquele sítio edificado castelo. A vila prosperou, mas foi com o Marquês de Pombal que ganhou pujança. Sebastião José de Carvalho e Melo aqui viveu durante uma década e a ele se deve o ordenamento da parte baixa da vila. Este é um tempo de riqueza, que seria interrompido um século depois quando os exércitos napoleónicos saqueiam e deitam fogo a toda a povoação. Como se não bastasse, um surto de cólera devastou a população e desertificou Pombal.

Hoje, Pombal volta a olhar para o futuro. Da Praia do Osso da Baleia de vasto areal à Serra de Sicó, este é um território a descobrir. Em Pombal, nem mesmo a sanha dos franceses conseguiu apagar os vestígios da história. Lá estão o castelo, a Torre do Relógio, o celeiro e cadeia pombalinos.

Previous ArticleNext Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.