A Lagoa de Santo André e as ruínas de Miróbriga

A Lagoa de Santo André  é um pequeno paraíso para o Homem e também para as várias espécies que a habitam ou que a procuram para invernada. Abrindo-se ao mar, cria um conjunto de rara beleza e de grande biodiversidade.

Seja pela praia, pela natureza ou pela sua história, Santiago do Cacém deve ser marcado em qualquer plano que se faça no sul do país. Na vila sede de concelho, o centro histórico parte do castelo de origem árabe e espraia-se pela encosta virada a sol, por ruas e ruelas onde pontificam os solares. A visita às ruínas da cidade romana de Miróbriga – as únicas com hipódromo conhecido em Portugal –  deve começar pelo centro interpretativo. Sem cuidados de contextualização são as visita à Tapada dos Condes de Avillez, em pleno centro histórico, ou aos jardins e pomares da Quinta dos Olhos Bolidos, em Santa Cruz.

Previous ArticleNext Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.